O Sonho de Martin Luther King, Jr.

O Sonho de Martin Luther King, Jr. Na história de qualquer grande povo, às vezes há um único evento que resume tão perfeitamente sua luta e desafia as emoções das pessoas da época que se torna histórico e mitológico.

Um desses eventos distintos na longa história dos afro-americanos em nosso país foi a apresentação do que ficou conhecido como o discurso “Eu tenho um sonho” durante a histórica marcha em Washington em agosto de 1963.

Muitos aspectos desse discurso são tão bonitos que o texto se tornou um dos mais importantes textos históricos da história americana e afro-americana. Como resultado, quase todo aluno consegue repetir as palavras mais comoventes do discurso, que são …

O sonho Americano

Portanto, apesar das dificuldades que enfrentamos hoje e amanhã, ainda tenho um sonho. Enfim, é uma fantasia que faz parte do sonho americano. “Consideramos essas verdades evidentes por si mesmas, que todos os homens são criados iguais.

“Afinal, acredito que um dia nosso país se erguerá e viverá todo o significado de seu credo. Porquanto, meu objetivo é que um dia meus quatro filhos pequenos vivam em um país onde serão avaliados pelo conteúdo de seu caráter e não pela cor de sua pele.

Se você leu o livro inteiro, o que mais se destaca é o senso de otimismo. Conquanto, ler este discurso em família, possivelmente no aniversário de Martin Luther King, que agora é um feriado nacional, é uma tradição adorável.

O Dr. Martin Luther King Jr. exortou seu povo a levantar a cabeça e esperar um futuro melhor. Mas, mais do que isso, ele exortou todos a trabalharem juntos em direção a um objetivo comum, a realização do ideal americano, do qual ele fala com tanto zelo em seu discurso.

Sobre o discurso

As escadas do Lincoln Memorial têm vista para o Congresso, o espelho d’água e a Casa Branca. Para o Dr. King, este era um “solo sagrado”, refletindo sua consideração e afeição pelos emblemas da nação.

Mas é um discurso de batalha, já que ele disse que os negros na América ainda não estão vivendo em posições abertamente livres e iguais com todos os outros americanos. Dr. King nunca perdeu de vista as duras realidades que os afro-americanos enfrentaram nos Estados Unidos.

É por isso que este discurso foi escrito e proferido de forma tão meticulosa. conquanto, apesar disso, é um país que não aceita a tirania e o preconceito que mantém os negros sob controle desde a escravidão.

Muitos dos centros de poder do nosso país responderam ao apelo do discurso para a ação no tempo do “agora”. Então, tomaram medidas urgentes para iniciar o processo de regeneração e restauração do sistema social no caminho correto.

Resultados do discurso

Um dos efeitos mais significativos desse discurso foi o marco da Lei dos Direitos Civis de 1964, que transformou irrevogavelmente o tecido do país ao impor proibições legislativas à discriminação em todos os aspectos da sociedade americana.

A marcha em Washington naquele dia sufocante e úmido de agosto teria sido apenas mais uma demonstração ou evento no movimento pelos direitos civis se não fosse pelo discurso “Eu tenho um sonho” de Martin Luther King.

Em vez disso, tornou-se um evento histórico na história americana e negra, transformando o Dr. King em um herói nacional para negros e brancos e energizando um movimento e um país para resolver os problemas com suas próprias mãos e melhorar as coisas para todos.

Deixe um comentário